Escalada Desportiva Espanha, Monte Galiñeiro – Vigo

UMA DATA SEMPRE ESPECIAL

E para comemorar uma data especial (que já aconteceu ainda nem época das castanhas era, excepto para aqueles vendedores de rua que ainda está calor e já as andam a assar, mas este blog andou paradito porque isto de ter um pequeno budha lá em casa não deixa muito tempo para estas coisas), nada como uns dias em terra de nuestros hermanos para um passeio, uns comes, uns bebes e, claro, uns trepes e destrepes.

E trepes e destrepes no meio de amigos, boa companhia, muitas risadas, muitos “vai lá que consegues” ou mesmo “vai lá que é um bolso”, só poderia ser a cereja no topo do bolo, ou neste caso, o “encadeamento” de um excelente dia.

Ah! E como “Ano novo, vida nova”, um compromisso para o novo ano é retomar a regularidade na escalada (já ressaco rocha e até snifo magnésio só para relembrar) e nas publicações aqui no Chinelo.

A apreciar a escalada, o momento, a natureza… a vida é boa!

 

A aproveitar para tirar a barriga de misérias, melhor dizendo, o pó aos pés de gato

 

Aaahhh… Que saudadinhas!

 

O Fred a aquecer

 

A Anne a mostrar como se faz

 

O Vitor a aquecer os motores para o que aí vinha

 

Concentração

 

O dia era meu e do Sérgio, mas rapidamente passou a ser do Vitor que sacou o seu primeiro 7a assim… sem espinhas!

 

Foi a via do dia. Andou lá tudo a tentar a sua sorte. Alcino…

 

Desta vez o Sérgio a tentar sacar este projecto.

 

E encontram-se companheiros de rocha onde menos se espera e o Ramone lá se atirou ao 7a.

 

Depois de pormos mãos à rocha andamos a explorar terras lusas – praia fluvial em Monção

4 Responses to Escalada Desportiva Espanha, Monte Galiñeiro – Vigo

  1. Nelson Cunha

    Atenção que esse 7a tem eliminatórias!!! 😀
    Mas esse sítio a mim me encanta mucho!

  2. Frederico

    Não foi à muito tempo, mas parece que passou uma eternidade. Foi um dia em grande de facto. Há que lá voltar para nos mandarmos a novos projetos.

  3. Chinelo de Meter o Dedo

    Nelson, no manual de normas não reparei nas eliminatórias, mas de qualquer das formas é muito bom escalar ali…

  4. Nelson Cunha

    Sem dúvida!
    Local magnífico!
    Escalei muito por lá, quando morava mais perto (e as autoestradas eram mais baratas)

    Adorava a rocha, as vistas e até as pessoas..
    Até lá escalei o meu primeiro 6c, algures do Colejon.
    Também me lembro de lá ver senhoras com idade para serem minhas mães, com os rabos 5 vezes o meu, a escalarem essa via e muitas outras.
    Também lá vi um tipo subir e a descer essas vias do BISMARK, em solo integral, como quem aquece num bloco…

    Não sou nada a favor das eliminatórias, nem tem lógica para quem não é local, mas… nessa via, lembro-me que havia lá uma história qualquer de eliminatórias. Nada de relevante…. o que importa é escalar e desfrutar.

    Boas actividades
    Nelson

Deixe uma resposta

UP WE GO